manipulo.png

INFRAESTRUTURA:
AEROPORTOS

​Áreas de Atuação

O setor de aviação brasileiro representava 1% do PIB do país, ou US$ 18,8 bilhões, de acordo com estudo realizado em 2017 pela Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA). Apesar do forte impacto causado pela pandemia de COVID-19, o segmento já se recupera e tem potencial para crescer mais ao longo das próximas décadas. De acordo com o mesmo estudo, o setor de aviação em outros países representa, em média, 3,3% do PIB nacional.

 

A LEGGIO possui uma atuação ampla no setor de infraestrutura e os terminais aeroportuários não são uma exceção. Somos reconhecidos no mercado como detentores das melhores metodologias proprietárias de projeção de movimentação de passageiros e cargas em aeroportos, assim como projeções de consumo de QAV e outros combustíveis do setor.

 

Além disso, nossa vasta experiência com Supply Chain, revisão de processos de armazenagem e transporte faz com que os projetos tenham uma visão pragmática na sua abordagem, mas sem perder o contexto estratégico e as especificidades que operações desse tipo possuem.

Cargas

  • Projeção de carga transportada por aeroporto

  • Projeção do número de decolagens por aeroporto

  • Dimensionamento de armazenagem aeroportuária

  • Planejamento de layout e posicionamento de estoque

  • Avaliação de processos de movimentação e armazenagem

Passageiros

  • Projeção de movimentação de passageiros por aeroporto

  • Avaliação da área de influência de aeroportos

  • Projeção do número de decolagens por aeroporto

  • Projeção de índices de movimentação: RTK e ATK por aeroporto

Para saber mais sobre nosso trabalho,